segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

When two hearts meet ...

 Quando dois corações se encontram pulsam no mesmo ritmo. Quando duas almas se encontram e se reconhecem o tempo é mera ilusão e todo o sofrimento é um pequenino espinho no caminho... A Saudade, a tristeza... A falta que você me faz...
Mas as alegrias simples, como falar com você, mesmo que pela internet ou telefone. Basta falar um "oi, tudo bem?".... Transbordam do cálice os pequenos gestos de carinho, que você tem para comigo movimentando turbilhões de sentimentos elevados que sobe as esferas mais elevadas dos céus emocionando ate os anjos do céu. Porém, esse momento ou encontro pode durar um segundo, um mês ou mil anos, mas será eterno em meu coração. Você me faz um bem tão intenso, que você nem imagina.... Que se multiplicando por milhões, e funde ao amor do Pai Celestial, objetivo dos objetivos. Esse momento ou esse encontro pode se dar por um olhar, por carta, por telefone, pessoalmente, virtualmente e até telepaticamente. Acho, não... tenho certeza que é o que acontece com nos dois (pelo menos comigo), te amo telepaticamente, te amo virtualmente, te amo do fundo de minha alma. Sinto tanto tua falta, você nem faz idéia, mas o que importa são suas ações... Seus pensamentos, suas palavras carinhosas ficarão eternamente guardadas em minha alma... Como as ondas sonoras do rádio a viajar pelo espaço infinito... Semeando.... semeando... Amor... Amor.... Paixão... Paixão... Saudades.... Saudades.... Tristezas... Tristezas... tudo isso por estar longe de você... É uma grande felicidade você ter entrado em minha vida... Não interessa como! Você hoje faz parte da minha vida material e espiritual... Estou feliz da vida por você existir meu amorzão do fundo do meu coração e da minha alma...Nestes dias pensei muito em você... Queria você ao meu lado... Seus beijos... mas isso irá demorar um pouco mais. E enfim, eu só sei de uma coisa: senti muita saudade...
Fernanda Mitarashi. 

Imagem e mensagem retirada do Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário